Política

Em Juazeiro do Norte Líderes do Governo Arnon votam contra pedido do prefeito; vereadores questionam

Adauto Araújo e Auricélia Bezerra são líder e vice-líder de Arnon na Câmara; Vieira Neto e David Araújo são da base e questionaram a votação dos líderes (Foto: Reprodução/Câmara Municipal)
Em 16/05/2018 às 11:45

Na apreciação da Mensagem 12, na sessão dessa terça-feira (15), o líder do governo Arnon Bezerra (PTB), o vereador Adauto Araújo (PSC), e a vice-líder, Auricélia Bezerra (PDT), votaram contra a solicitação do prefeito. A mensagem visa alterar as normas para instalação de postos de combustíveis em Juazeiro do Norte.

O vereador David Araújo (Patriota) votou favorável e questionou o líder e a vice votar contra. “Eu não estou entendendo mais nada. Eu sou governo!”, afirmou o parlamentar. Por sua vez, Adauto lembrou que já tem 10 anos de Casa Legislativa e até agora não entende.

A mensagem foi aprovada por 9 a 6 e segue em tramitação indo agora para o Poder Executivo. Arnon deve sancionar por ser uma matéria enviada por ele.

Já durante a sessão extraordinária, na apreciação da Mensagem 18, de autoria do prefeito Arnon, solicitando autorização e transferências de recursos financeiros para a realização da 42ª vaquejada municipal, o vereador Vieira Neto (Patriota) destacou que nunca viu o líder do governo votar contra o prefeito.

Vieira afirmou que “(…) a partir de agora qualquer projeto chegando nesta Casa por parte do Executivo, eu farei a minha votação conforme a minha consciência. Não tem mais esse negócio de base. Não tem mais esse negócio de seguir líder ou deixando de seguir líder. A votação é conforme a minha consciência(…)”, revelou.

Assista:

Por João Boaventura Neto
Miséria.com.br

 

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.